Suíça

Suíça

Postado em 10. mar, 2010 by in Viagens a 2

Impossível ouvir falar em Suíça sem pensar imediatamente em chocolates e queijos. Pelo menos pra mim, que sou alucinado pelos dois. Só isso já bastaria para me levar até lá, mas a melhor razão foi mesmo o convite de um grande amigo que largou Sampa e está morando lá há pouco mais de um ano com a família toda.

Amigos + Chocolate + Queijo =  Eu e Gabi na Suíça.

Definitivamente, não espere encontrar a riqueza explícita que vemos nos grandes hits da Europa como Paris, Roma, Londres e Madri. Nada de palácios gigantescos, ouro, museus famosos e grandes igrejas espalhadas por todo lado. Os suíços guardam o dinheiro deles nos bancos. O lance deles é fazer tudo bem feito, mas levam uma vida “low profile”. A maior e mais agitada cidade da Suíça, Zurich, tem menos de 400.000 habitantes. A capital, Bern, uma cidade super simpática, tem pouco mais de 100.000. Eles são adeptos do estilo “quanto menos somos, melhor passamos”. E acredite, eles passam muito bem. É um país perfeito pra tirar um relax e um prato cheio para aqueles que curtem os esportes de neve e montanha, além de um bom trekking e bike.

A Suíça é dividida em 3 partes, a francesa, a alemã e a italiana, que além de serem as regiões próximas a estes países, também adotam a língua deles. Visitamos a parte francesa e a alemã. Na parte francesa, só se fala francês. Então, um conhecimento básico da língua e também uma boa mímica resolvem tudo, pois raramente alguém sabe falar inglês. Já na parte alemã, a maioria das pessoas arranha um inglês, o que salva totalmente. Você já tentou ler alguma coisa ou ouviu alguém falando alemão? Então entende o que eu digo. É possível descobrir algumas palavras por associação, mas a grande maioria, é simplesmente impossível de ler ou entender. Chega a ser engraçado de tão trágico. Sempre sacávamos imediatamente o famoso “do you speak english?” e em caso de resposta afirmativa, havia diálogo. Caso contrário, “danke” e vamos para o próximo. Deu certo. Até com uma senhora alemã em Zurich, que ficou deslumbradíssima ao descobrir que éramos do Brasil e nos olhava como se fossemos extra-terrestres fazendo uma festa danada! Entendi muito pouco do que ela falava, mas pude identificar as palavras “Brasil”, “Sudamerica” (ou algo parecido) e consegui entender que o lugar que queríamos entrar estava fechado.

Nossa viagem começou em Genebra, que fica na parte francesa, mas nem chegamos a conhecê-la. Fomos direto para La-Tour-De-Peilz, onde vivem nossos amigos. A cidade fica na margem do Lago Genebra, também conhecido como Lac Léman, um lago gigantesco que tem uma margem na França e outra na Suíça.  La-Tour-De-Peilz é vizinha de Montreux (famosa pelo festival de jazz), Vevey e Lausanne, além de ficar bem próxima de Gruyeres (sim, os queijos), dos Alpes e de boa parte das estações de esqui. Demos um bom rolé por ali e depois fomos a Zurich e Bern, que ficam na parte alemã, além do Jungfrau, que merece um capítulo à parte. Trata-se de um platô a 3500m de altitude, onde começa um glaciar com 22km de extensão. Para chegar lá, pegamos vários trens a partir de Interlaken e a última parte é um túnel de 7km escavado na rocha. Em 1893! É, os caras são bons de engenharia também.

GRUYÈRES

CHÂTEAU DE CHILLON

LAUSANNE

TREM INTERLAKEN – LAUTERBRUNNEN

JUNGFRAUJOCH

THE SPHINX – 3.571m

GLACIAR ALETSCH

GSTAAD

ZÜRICH

 

VEVEY

 

BERN


Tags: , , , ,

2 Responses to “Suíça”

  1. Evandro

    17. set, 2010

    Parabéns!!!!

  2. walkiria

    30. set, 2010

    Adorei as fotos e os comentários! Parabéns!!

PHVsPjwvdWw+